The day a chicken nearly killed me..

Confira a versão em português no fim do text.





I have been a bit slow in writing new posts, I will get more efficient at it as time goes on. Since my last post 3 things have happened. Firstly, I finally got my money released from the Bank. Secondly, I got my RNE bits and bobs sorted with the Federal Police and thirdly, I will start with…
If you get easily grossed out, then I would stop reading now.. If not then enjoy haha!

I’m not a person that gets ill very easily in general and I have never had food poisoning before.. Until now and I feel quite comfortable in saying that food poisoning in Brazil is worse! Although, as I said I have never had food poisoning before, I have though experienced a couple times in my life having my head over the toilet basin and throwing up.

My girlfriend last week came around to my apartment and I cooked for her and she kindly bought a grilled chicken that I used. I had one leftover chicken breast that needed using and then I also cut some chicken off the grilled chicken and mixed it in with what I was cooking. I made a pasta dish and I had been experimenting with a sauce that I had been refining and wanted to her to be the guinea pig! 

Everything went well with the meal I got the seal of approval from my girlfriend apart from it had too much chili in it for her liking but otherwise she liked it! 

The next day in the evening I made a couple sandwiches (or 3) with the grilled chicken for myself and I ignored something that I never ignore. I noticed that the meat close to the bone was a bit pink and for some reason didn’t think twice about it, I just put it straight in my sandwich. (Ask my gf, i’m usually very annoying about meat being cooked especially chicken and pork!) I ate 3 sandwiches and probably within 10 mins of finishing the 3rd sandwich I felt a chain reaction. I didn’t feel sick but I felt very weird, wobbly and above average hot, so I went to bed.

At about 3 am Sunday morning the “motion” was very active, I felt pretty bad when I was lying but as soon as I stood it was very apparent that I needed to go to the bathroom. I have a strange reaction when i’m about to be sick, I have always had it, but just before being sick I’m prone to passing out, (I should note that I always come about before I actually vomit!) I get very hot and I need to cool myself down or I will pass out. In England it’s relatively easy to cool down, the floor is often stone and being a cold country the stone floor is a good temperature to keep me in the land of the living but here in Brazil?! My bathroom floor is also stone but although a little cooler it’s not much relief, fortunately my stomach cramping was enough to keep me awake!

Click here to like my Facebook page and get updated on new posts!





What happened next was the most stressful part of the situation. The partly digested chicken that was in my stomach was about to be rejected by my body but for the life of me, I could not work out whether it was taking route “A” or route “B”, fortunately my sink is next to my toilet so the situation was covered. In the end it was route “A” that the chicken took! 

Again in the morning I was about to pass out and this time I actually was going to pass out  my vision started going like a tv with no signal, so I turned the shower on and laid there until I was feeling better! 

I missed my Portuguese class on the Monday but at the moment of writing this on Tuesday evening, apart from feeling pretty tired i’m feeling well enough to go to my class tomorrow!

Generally I like the climate in North East Brazil, it’s one of the reasons I am here but, when you’re ill, I can see it must really be a bother because it’s not so easy to feel refreshed, and even with Air Conditioning there are a lot of people that don’t like it. 

The first two events, my RNE which is an identity number and the whole bank issue, I don’t really have that much more to say about. I have talked about my frustrations with the RNE before (you can read here) and I could complain about it more but it’s better just to let it go.. I am relieved now that I have got it sorted, for now I have a paper temporary ID and I have to go back in a couple months to receive the proper card.


The other thing was the bank releasing my money to me (or rather my gf as it was to her bank account), I finally received my money right after my last post and was pleasantly surprised that the bank manager didn’t know what he was talking about and I got taxed half of what I was expecting!

The next thing I want to do is open my own bank account. I have heard that this can be quite a tedious process, but have read all over the gringo/foreigner in Brazil groups that HSBC is the best option. Since HSBC is who I’m with back in England, it’s quite convenient with regards to transferring money from England to Brazil with relative ease. 

In fact I have already been to one HSBC branch that I just went into on the off chance for information and they told me it was only possible with a permanent visa, that’s contrary to what the HSBC Brazil’s website say’s because it says clearly Permanent or Student visa, but if I learnt anything about public services in Brazil it’s to stay calm and not necessarily take the first answer as your final answer because someone else might know something else!

Thank’s again for reading and I hope you didn’t get too grossed out :P


Leia também em português:

Eu tô demorando horrores pra escrever meu textos novos, mas vou ficar mais eficiente com o passar do tempo. Desde o meu ultimo post, três coisas aconteceram. Primeiro, eu finalmente consegui que meu dinheiro fosse liberado pelo banco. Além disso, eu consegui meu RNE e resolvi os babados com a Polícia Federal e, em terceiro lugar, vou começar com o seguinte:

Se você fica com nojinho facilmente, eu pararia de ler por aqui… Se não, então divirta-se haha!

Em geral, eu não sou uma pessoa que fica doente com facilidade e eu também nunca tive problemas com intoxicação alimentar antes… Até o momento, e eu me sinto bem confortável dizendo isso, intoxicação alimentar no Brasil é a pior coisa! Apesar de eu ter dito que nunca tive isso antes, eu já passei por umas experiências na vida que me deixaram com a cabeça pra dentro do vaso sanitário, vomitando.

Na semana passada, minha namorada veio no meu apartamento e eu cozinhei pra ela. Pra fazer uma média, ela trouxe um frango assado que eu usei. Eu só tinha um filé de peito de frango congelado sobrando, então eu cortei ele também e misturei com uns pedaços do frango assado pra cozinhar. Fiz um prato de macarrão com um molho que eu já estava testando e aprimorando… Decidi que minha namorada seria meu ratinho de laboratório!

Tudo deu certo com a comida, eu até recebi um selo de aprovação do Inmetro da Namorada, tirando o fato de que tinha muita pimenta pro gosto dela, mas mesmo assim ela curtiu!

Na noite do dia seguinte, eu fiz uns dois sanduíches (ou três) com o frango assado pra mim e ignorei uma coisa que eu nunca na vida ignoro. Percebi que a carne perto do osso estava um pouco rosada e, por algum motivo, não pensei duas vezes e coloquei tudo no meu sanduba. (Pode perguntar pra minha namorada e ela vai dizer que normalmente eu sou chatão com isso da carne ser bem cozida, especialmente frango e porco!). Eu comi três sanduíches e, provavelmente 10 minutos depois de ter terminado o terceiro, senti uma reação em cadeia. Não vomitei nem nada, mas fiquei me sentindo estranho, meio tonto e febril. Daí decidi ir pra cama.

Umas três da manhça do domingo, o movimento tinha começado. Eu tava deitado me sentindo super mal, mas assim que levantei, ficou óbvio que eu precisava correr pro banheiro. Eu tenho essa reação esquisita quando to a ponto de vomitar, sempre tive, mas é que eu sempre fico propenso a desmaiar. Inclusive já deveria ter percebido que isso só acontece logo antes de chamar o Raul! Eu fico super quente e preciso resfriar meu corpo pra não desmaiar.

Na Inglaterra, era facinho dar uma esfriada. O chão é normalmente de pedra e, se tratando de um país frio, o chão de pedra proporciona uma boa temperatura pra me manter na terra dos vivos, mas aqui no Brasil?! O chão do meu banheiro até é de pedra também, mas apesar de ser mais friozinho que a média, não alivia muito. Felizmente, minhas dores de estômago foram suficientes pra me manter acordado! 

Clique aqui pra curtir minha pagina no facebook e ver as atualizações no facebook e meus novos posts!

O que aconteceu depois foi a parte mais estressante da situação. O frango meio digerido que tava no meu estômago estava ali prestes a ser rejeitado por meu corpo, mas mesmo que minha vida dependesse disso, não dava pra adivinhar se ia sair pelo caminho “A” ou pelo caminho “B”. Graças a Deus, minha pia é perto do vaso sanitário, então a situação estava sob controle. No final, a rota tomada pelo frango foi a “A”.

Outra vez, pela manhã, eu tava lá quase desmaiando (e dessa vez eu ia mesmo desmaiar, minha visão começou a ficar tipo uma TV sem sinal), então desliguei o chuveiro e fiquei lá deitadão até começar a me sentir melhor!

Acabei faltando minha aula de português na segunda-feira (07), mas agora enquanto escrevo isso nessa terça-feira (08), tirando o fato de tá me sentindo mega cansado, acho que estou bem o suficiente pra ir pra aula de amanhã!

Geralmente eu curto bastante o clime do nordeste brasileiro. Esse é um dos motivos deu estar aqui, mas quando você está doente, dá pra ver que o clima pode ser um problema porque não é fácil se sentir fresquinho. Até se você tiver ar-condicionado, tem um monte de gente que não curte muito.

Sobre os dois primeiros episódios, - meu RNE (que é o cartão com número de identidade para estrangeiros) e o bafafá todo com o banco - eu não tenho muito mais pra comentar. Eu já falei aqui antes sobre minhas frustrações com o RNE (você pode ler aqui) e até dava pra reclamar mais um pouquinho, mas é melhor deixar passar… Eu tô é aliviado por finalmente ter resolvido isso e porque agora eu tenho um papel com a identidade temporária e preciso voltar daqui a alguns meses pra receber o cartão de verdade.

A outra coisa foi o banco me liberando meu dinheiro (ou liberando pra minha namorada, já que está tudo na conta bancária dela). Finalmente recebi meu dinheiro depois do meu último post e até rolou uma surpresinha boa quando eu percebi que o gerente do banco não fazia ideia do que ele estava falando e só me cobraram metade das taxas que eu estava esperando!

A próxima coisa que eu quero fazer é abrir a minha própria conta no banco. Eu já ouvi que isso pode ser um processo bem entediante, mas já li em diversos grupos de gringos no Brasil que o HSBC é a melhor opção e como o HSBC é meu banco lá na Inglaterra, é até bem conveniente. Pra transferir dinheiro da Inglaterra pro Brasil, por exemplo, seria relativamente fácil.

Na verdade, eu já até fui num dos postos do HSBC na esperança de conseguir informação, e eles me disseram que só seria possível criar a conta se eu tivesse um visto permanente. Isso é o oposto do que o site do HSBC Brasil diz porque eles falam lá claramente que é pra quem tem visto permanente OU visto de estudante. Mas se tem uma coisa que eu aprendi a respeito do serviço oferecido ao público no Brasil, é que você tem que ficar calmo e não necessariamente abraçar a primeira resposta como sua resposta final, porque outra pessoa pode saber de outra coisa!

Obrigado de novo por ler o texto e espero que você não tenha achado tudo muito eca! :P

Mark Cullingford

No comments:

Post a Comment

Instagram